WeCreativez WhatsApp Support
Fale com nosso atendimento via WhatsApp
Opa, como posso ajudar? 😉
27 C
Limeira
13/07/2024

Professora Cleonice é imortalizada pela nomeação da Biblioteca Pedagógica

- Publicidade -spot_imgspot_img
-Publicidade -spot_imgspot_img



O prefeito Mario Botion e a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Roberta Botion, participaram ontem (3), no Parque Cidade, da cerimônia de entronização da Biblioteca Pedagógica, que passou a denominar-se “Biblioteca Pedagógica Professora Cleonice Teresinha Mercuri Quitério”.

Participaram da homenagem, as filhas Giuliana e Giovana (a terceira filha, Gabriela, mora na França e acompanhou a cerimônia virtualmente), o marido da ex-professora, Luís Eduardo, os irmãos Cleide e Nazareth, demais familiares, os vereadores Mara Isa Mattos Silveira e José Farid Zaine (autor do projeto de lei que nomeou a biblioteca), os secretários Sérgio Moreira (Comunicação Social), André Luis De Francesco (Educação), Edison Moreno Gil (chefe de Gabinete), Evandro Leite (Cultura) e Luiz Augusto Zanon (Esporte e Lazer).

Botion parabenizou o vereador Farid pela iniciativa do projeto, considerando-se o legado histórico deixado pela homenageada. Ele destacou o espírito voluntário da professora, que desenvolveu trabalhos para a Associação Integrada de Deficientes e Amigos (Ainda) e intermediou a concessão de bolsas de estudo no Isca Faculdades às pessoas atendidas pela entidade. “Sintam-se orgulhosos pela trajetória da professora Cleonice”, afirmou o prefeito.

Roberta Botion, por sua vez, falou da relação de carinho que mantinha com Cleonice. “Era uma pessoa muito querida na cidade, foi professora da minha filha”, disse. “Ela estará eternizada com essa homenagem”, completou.

Emocionada, a filha Giuliana agradeceu a honraria e relatou as principais conquistas da mãe, enfatizando o talento artístico e o espírito criativo. “Era uma mulher extraordinária”, exclamou.

Autor da indicação, posteriormente sancionada por Botion (Lei 6.510/2020), Farid observou a necessidade de preservar a memória da homenageada. “Este é um momento de grande felicidade, por perpetuar o nome da professora Cleonice na Biblioteca Pedagógica”, frisou.

Também presentes à cerimônia, a diretora de Memória e do Centro de Ciências, Adriana Pessate e a artista plástica Lizete Grolla Pittia, declamaram poemas escritos por Cleonice.

BIOGRAFIA

Nascida em 5 de março de 1955, em Limeira, Cleonice era filha de Maria De Carli e Augusto Rufino Mercuri. Formou-se em Educação Artística, com especialização em Desenho, pela PUC Campinas e em Pedagogia pela Faculdade de Ciências e Letras Plínio Augusto do Amaral. Também era especialista em Arte e Criatividade pela Universidade de Franca (Unifran).

Aos 11 anos, já ajudava o pai na Floricultura Mercuri, período em que demonstrava talento e paixão pela Arte. Em 1979, começou a lecionar na Escola Estadual Professor Antônio Perches Lordello, onde permaneceu por 18 anos. No Colégio Acadêmico, foram mais 34 anos dedicados ao ensino de Arte, História da Arte e Desenho Geométrico. Integrava a Academia Limeirense de Letras, ao lado da sogra, Eudoxia Silva Castro Quitério que esteve presente na homenagem.

Escritora e poetisa, seus trabalhos foram publicados em dezenas de jornais, revistas e livros. No campo das artes plásticas, também participou de inúmeras exposições. Entre as diversas premiações, ganhou o Troféu Fumagalli pelo conjunto da atuação social, sobretudo na Ainda. Faleceu em 2019, aos 64 anos.



Informações da PML

- PUBLICIDADE -spot_imgspot_img
Veja também...
- Publicidade -spot_img
LOCAL
- Publicidade -spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Descubra mais sobre Guia Limeira

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading