Home Saúde PREFEITO E VICE : Reunião virtual com vereadores esclarece dúvidas sobre vacinação

PREFEITO E VICE : Reunião virtual com vereadores esclarece dúvidas sobre vacinação

39
0

O prefeito Mario Botion, a vice-prefeita Erika Tank, o secretário de Saúde, Vitor Santos, e o diretor de Vigilância à Saúde, Alexandre Ferrari se reuniram no final da tarde desta terça-feira (19) com os vereadores. O encontro ocorreu de forma virtual e teve como tema central a questão do início da vacinação contra o coronavírus no município. A presidente interina da Câmara, Lu Bogo, também participou da sala de reuniões do gabinete do prefeito.

“É fundamental deixar os vereadores informados sobre os dados que já temos sobre a imunização e também a respeito das ações do município para esse processo”, disse Mario Botion. “Dessa forma, os parlamentares repassam as informações à população quando são questionados”, complementou Erika Tank. Todos os 21 vereadores foram convidados para a reunião.

Durante o encontro, o prefeito informou que Limeira, num primeiro momento, receberá 2.920 doses de vacina. O número foi passado a ele e para o secretário de Saúde, Vitor Santos, pela Divisão Regional de Saúde de Piracicaba, também na tarde de hoje. As doses devem chegar ao longo desta semana, mas não existe uma data precisa. O prefeito reforçou para os vereadores que o município já tem uma estrutura pronta para a vacinação.

Vitor Santos explicou aos vereadores que, conforme determinação do Estado, haverá a aplicação das 2.920 doses e que num prazo estimado de 15 dias a cidade receberá mais uma quantidade idêntica para a aplicação da segunda dose nas mesmas pessoas.

O diretor de Vigilância à Saúde, Alexandre Ferrari, relatou aos vereadores que nesta primeira etapa serão inicialmente vacinados profissionais de saúde que estão na linha de frente (aqueles que mantêm contato direto com pacientes infectados), isso da rede pública e também de hospitais particulares. Num segundo momento, será a vez de idosos que se encontram em instituições como asilos, e seus cuidadores; depois, os demais profissonais de saúde; e, finalmente, o início da imunização dos idosos por faixa etária. Porém, a partir da segunda etapa ainda não existem datas, pois dependerá de o município receber novas doses.

No relato aos vereadores, o prefeito criticou o fato de o município estar recebendo poucas informações sobre a vacinação. “Mais uma vez estamos sendo penalizados com a desinformação”, observou. Os vereadores interagiram com vários questionamentos.

A retomada dos trabalhos da ARC (Ambulatório Referência Coronavírus) na manhã desta quarta-feira (20) também foi comunicada aos vereadores. O encontro virtual durou pouco mais de uma hora.