Home Local URBANISMO: Botion sanciona lei para tramitação de projeto do Sesc

URBANISMO: Botion sanciona lei para tramitação de projeto do Sesc

83
0

Lei de autoria do prefeito Mario Botion que autoriza a tramitação do projeto de construção de uma unidade do Sesc em Limeira será publcada na edição desta terça-feira (22) do Jornal Oficial do Município. A proposta, aprovada recentemente pela Câmara Municipal, estabelece uma complementação no Plano Diretor do Município, com a criação da Zona de Intervenção Estratégica (ZIE4-J: Sesc). Segundo o secretário de Urbanismo, Matias Razzo, a lei define parâmetros e coeficientes urbanísticos para o zoneamento.

Devido a complementação desse item no Plano Diretor – como forma de garantir a construção da unidade -, o Sesc realizará obras em contrapartida para o município. Estão previstas as seguintes benfeitorias no entorno da obra do Sesc:

– Melhoria viária, contemplando o alargamento da Via Luiz Varga, abertura de faixa de aceleração para acesso ao empreendimento, criação de travessia de pedestre, além de outros dispositivos de acessibilidade;

– Construção de praça ao lado do Centro Comunitário do Jd. Glória;

– Compensação ambiental, com o plantio de árvores;

– Implantação de baia para ponto de parada de ônibus.

PROJETO

A lei pemitirá que o Sesc dê sequência ao processo de análise e aprovação do projeto arquitetônico junto à Prefeitura. Os prazos da obra e os valores de investimentos são de responsabilidade do Sesc. O governo Botion atendeu pedidos feitos pela entidade para prorrogação dos prazos de início e término da obra, após várias negociações.

“Desde o início do nosso governo, ainda em 2017, iniciamos diálogo com dirigentes do Sesc, para a implantação da unidade em Limeira”, afirma o prefeito Mario Botion. “Adotamos todas as medidas necessárias para viabilizar o projeto que trará inúmeros benefícios ao município, no campo do lazer, da educação e da cultura”, conclui.

A unidade do Sesc em Limeira será construída em uma área vizinha ao Residencial Olindo de Luca, às margens da Via Luiz Varga (trecho do Anel Viário). A unidade terá um teatro para 300 lugares, anfiteatro externo, espaços de convivência, biblioteca para 3 mil exemplares, quatro salas multiuso e área para exposições. Abrigará, ainda, praça, ginásio poliesportivo, conjunto aquático, salas de atividade física, consultórios odontológicos, entre outros.

Os trabalhos devem ser iniciados já no ano que vem e a construção está prevista para ser concluída em 2024. O investimento estimado é de R$ 203 milhões.

O Sesc, que contempla todo o município, trará também benefícios urbanísticos e de sociabilidade essenciais para a região onde a obra será erguida. Um deles é a integração direta com a comunidade do Olindo de Luca e também de toda a região.