Prefeitura usará R$ 700 mil para fazer mutirão na saúde

Prefeitura usará R$ 700 mil para fazer mutirão na saúde

227
0
COMPARTILHAR
Imagem Ilustrativa

Projeto de lei da Prefeitura de Limeira, aprovado na sessão de ontem da Câmara, pediu autorização para usar verbas em mutirões de consulta e cirurgia oftalmológicas, que ainda têm muita demanda represada. 

O projeto de lei autorizativa é para elevar o crédito adicional especial em até o limite de R$ 700 mil para este fim, que o secretário da pasta, Vitor Santos, explica ser fundamental para atender ao menos 90% das pessoas que ainda aguardam por esses serviços na saúde. “Tínhamos R$ 1,2 milhão, que já foi usado. Como em todo final de ano, fizemos a revisão do orçamento e aquelas verbas que estavam em algumas rubricas que entendemos que não serão necessárias de serem compradas até dezembro deslocamos esses recursos para rubrica do Cismetro [Consórcio Intermunicipal de Saúde na Região Metropolitana de Campinas] e conseguimos em torno de R$ 700 mil, valor que será possível adiantar bastante a fila de cirurgias e consultas em oftalmologia”, diz o secretário. Para isso, porém, houve necessidade de autorização dos vereadores.

ATÉ DEZEMBRO 

Com a lei aprovada, diz Santos, será possível fazer mutirão até dezembro com mais 3 mil consultas e 600 cirurgias de catarata. Essas cirurgias já têm grupos de pessoas com diagnóstico feito nas consultas do mutirão anterior e dessas consultas surgirão outras pessoas que precisarão fazer mais cirurgias. 

Atualmente, há em torno de 4 mil consultas represadas na oftalmologia. A partir do ano que vem, o secretário diz que será possível ajustar as necessidades dos pacientes com os serviços disponíveis na rotina na Humanitária, Santa Casa e também via Cismetro. Vitor Santos esteve na Câmara na semana passada para explicar esta situação aos vereadores. Também há detalhamento nos anexos do projeto. 

Fonte: Gazeta de Limeira / Renata Reis

SEM COMENTÁRIOS