Dono da empresa de ônibus JTP não comparece a depoimento da CPI

Dono da empresa de ônibus JTP não comparece a depoimento da CPI

18
0
COMPARTILHAR
CPI Transporte Público - Requerida pelo Vereador Marcelo Rossi do dia 10.out.19

A oitiva agendada para esta quinta-feira, 10 de outubro, pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Transporte Público requerida pelo vereador Dr. Marcelo Rossi (PSD) não foi realizada devido ao não comparecimento do sócio proprietário da empresa de ônibus JTP, Paulo Henrique Wagner. A reunião prevista para o dia 11 de outubro também foi desmarcada.

Em comunicado, a empresa JTP informou que Paulo não poderia comparecer à reunião por motivos pessoais. Já a oitiva agendada para sexta-feira, 11 de outubro, com o proprietário da Viação Limeirense, Gustavo Costa Pereira, suspensa devido à impossibilidade de localizar Gustavo para oficiá-lo da convocação.

A próxima reunião da CPI será na próxima segunda-feira, dia 14 de outubro, às 13 horas. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Urbano de Limeira (Sindtrull), Alex Aparecido de Oliveira, será ouvido.

CPI

A CPI foi instaurada em maio para apurar possíveis irregularidades na execução, fiscalização, contratações e intervenção dos serviços do transporte público coletivo urbano de passageiros, bem como o pagamento de subsídios e verba complementar à empresa Viação Limeirense.

Fazem parte da CPI os vereadores Dr. Rafael Camargo (MDB), presidente; Zé da Mix (PSD), relator; Helder do Táxi (MDB), secretário; Constância Félix (PDT) e Dr. Marcelo Rossi (PSD), membros. A reunião foi acompanhada pelo representante da Prefeitura, o advogado Paulo Roberto Barcellos da Silva Junior.

Confira a íntegra da reuniãohttp://bit.ly/2MHPxYD

SEM COMENTÁRIOS