Home Saúde Ferramenta que mostra qual UBS tem medicamentos será lançada

Ferramenta que mostra qual UBS tem medicamentos será lançada

993
0
Deise, da Central de Medicamentos, mostra a nova estrutura que garante estoque maior Foto: JB Anthero

Secretário da Saúde mostrou estoque da Central, que foi estruturada e não tem falta

Será possível saber a partir de semana que vem, pelo celular ou outros dispositivos com acesso à internet, quais unidades de saúde da rede municipal têm os medicamentos que o paciente precisa antes de sair de casa. Esta ferramenta foi anunciada há mais de um ano, mas ontem foi confirmado o funcionamento nos próximos dias.

No ano passado, chegou a faltar mais de 80 tipos de medicamentos de responsabilidade do Município. Os pacientes tinham de ir até um polo de distribuição para saber se o remédio chegou, onde poderia haver no estoque – e mesmo assim correndo o risco de o paciente chegar do outro lado da cidade e ter acabado -, e saber sobre previsão de regularização. Uma série de fatores influenciaram para a falta dos medicamentos, sendo alguns por atraso da distribuidora e outros até mesmo por desorganização nos prazos para iniciar o procedimento de compra. 

Primeiro, o secretário municipal de Saúde, Vitor Santos, explicou que a equipe (Éverton Ferreira, Deise Blanco e outros) reorganizou os prazos, consultou orçamento e estabeleceu novos períodos de verificação dos estoques que possibilitassem margem até novas aquisições antes do estoque ser comprometido. A Central de Medicamentos foi estruturada, com climatização para garantir a qualidade das substâncias armazenadas e outras melhorias. Santos diz que atualmente tem estoque garantido até dezembro de todos os 242 tipos de remédios da cesta do Município. “Quanto aos que são fornecidos pelo governo do Estado, não temos controle, apesar de tentarmos intermediar”. 

CONSULTA ANTES DE SAIR

Agora, mesmo com a afirmação de que os estoques de medicamentos estão abastecidos, o paciente poderá acessar um link que será disponibilizado a partir de semana que vem para confirmar, caso queira, se determinado remédio está disponível na unidade de saúde onde pretende ir. 

Não será um aplicativo para baixar. O secretário municipal de Comunicação, Antonio Peres, disse que bastará acessar o portal da Prefeitura de Limeira, que terá uma aba para acesso. Haverá um campo para digitar o nome do medicamento e, em seguida, aparecerá os locais onde tem estoque dele.

Fonte: Gazeta de Limeira / Renata Reis