Edir Macedo sugere que mulheres não façam faculdade para ter casamento feliz:...

Edir Macedo sugere que mulheres não façam faculdade para ter casamento feliz: ‘Casem com macho’

666
0
COMPARTILHAR

O bispo Edir Macedo, da Igreja Universal do Reino de Deus, disse que as filhas só poderiam entrar na faculdade após o casamento, em um vídeo que viralizou. Além disso, o religioso exige que as filhas “casem com macho”. Nas redes sociais, o religioso é acusado de misoginia e machismo.

No palco, as filhas Cristiane e Vanessa estão junto ao pai. “Você vai fazer até o ensino médio. Depois, se você quiser fazer a faculdade, você que sabe, mas até o seu casamento você vai ser apenas uma pessoa de ensino médio. Porque se a Cristiane. Vem cá, Cristiane. Se ela fosse doutora e tivesse um grau de conhecimento elevado e encontrasse um rapaz que tivesse um grau de conhecimento baixo, ele não seria o cabeça. Ela seria a cabeça. Não é isso? E se ela fosse a cabeça, não serviria a vontade de Deus”.

O bispo, que também é dono da Record TV, ainda afirma que “não existe família, não existe felicidade, a mulher cabeça e o homem corpo. É fracasso”.

“Um homem tem que ser cabeça porque se não forem cabeça o casamento deles estará fadado ao fracasso. Mas, não é isso que se ensina hoje. O que se ensina hoje é: minha filha você nunca vai ficar sujeita a um homem. Você não vai ficar sujeita a um homem”, disse o bispo.

O religioso continua e afirma que a mulher que não estiver sujeita ao homem, será infeliz. “Porque não existe família, não existe felicidade, a mulher cabeça e o homem corpo. É fracasso. E deve ter mulheres aqui que sabem o que estou falando: tem mulheres inteligentíssimas que não sabem onde encontrar o cabeça. Verdade: sim ou não?”, pergunta à plateia. É possível ouvir pessoas concordando e rindo no local.

Em outro momento, Macedo comenta que a esposa, Ester, sempre sempre sonhou que as filhas de casassem com “americanos corteses”, homens nascidos nos Estados Unidos. Contudo, ele teria buscado “machos” para se relacionarem e casarem com as filhas.

“A Ester me dizia: eu quero que minhas filhas casem com americanos que são corteses, que são educados. É, porque eu era um grosso. Era não. Eu tenho certeza que se casar com um americano, eles vão abrir a porta do carro. Eu falei: não. Eu quero que minhas filhas casem com macho”.

SEM COMENTÁRIOS