Mais sobre Hospital perdoa dívida e oferece tratamento integral a bebê de...

Mais sobre Hospital perdoa dívida e oferece tratamento integral a bebê de no por AVC

243
0
COMPARTILHAR

Nesta semana repercutiu a triste história da noiva e enfermeira Jéssica Guedes, 30 antes de entrar na igreja, passou mal e, grávida de seis meses, faleceu. Após passar mal a noiva foi submetida a um parto de emergência no Hospital Pro M Paulista, em São Paulo.

O noivo e tenente da Polícia Militar, Flavio Gonçalves, ficou desolado. Após a tragédia, ele lutava para custear o atendimento à noiva e o tratamento do bebê, a Sophia, que nasceu prematura.

Sua dívida com o hospital ultrapassava os 20 mil reais, já que o convênio do casal não cobria os serviços. Comovidos, muitos desconhecidos e amigos se mobilizaram para ajudá-lo. Através de uma forte rede de solidariedade, a ajuda resultou em mais de 200 mil reais!

mulher grávida e homem com chapéu
Os noivos estavam juntos há 7 anos. Foto:Arquivo pessoal

Hospital abre mãos dos custos de atendimento à noiva grávida

Sensibilizados com a situação do noivo e agora pai, o grupo de acionistas do Hospital Pro Matre Paulista decidiu isentar o Flávio de todos custos com o atendimento da Jéssica, e ainda ofereceram o atendimento integral à pequena Sophia.

Em suas redes sociais, Flávio agradece o hospital.

“No dia de hoje, eu tive uma notícia que me trouxe felicidade e conforto ao meu coração.  (…) O Hospital Pro Matre, num ato de sensibilidade e humanidade, fez a dispensa de todos os custos referente ao atendimento da Jéssica e concedeu atendimento integral a minha filha Sophia. Gostaria de expressar o meu agradecimento em nome do casal Jéssica e Flávio, e dizer com convicção que não existe melhor lugar para a Sophia estar. Obrigado, de coração, estou muito aliviado com essa notícia e obrigado a todas as pessoas que puderam ajudar”, disse.


Com informações do Portal Razões Para Acreditar.

SEM COMENTÁRIOS