XV Festival Nacional de Teatro de Limeira tem início nesta quinta-feira

XV Festival Nacional de Teatro de Limeira tem início nesta quinta-feira

219
0
COMPARTILHAR

A 15ª edição do Festival Nacional de Teatro de Limeira traz 15 espetáculos gratuitos realizados em diversos pontos da cidade. Com programação para todas as idades, o evento é de iniciativa da Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Cultura. O festival recebe, nesta edição, os orientadores artísticos Antonio Do Valle, Karen Menatti e Luiz Carlos Laranjeiras, responsáveis pela análise das apresentações e seleção dos vencedores. Todos os espetáculos são gratuitos e os ingressos devem ser retirados uma hora antes da apresentação.Com início na quinta-feira (15), o festival recebe, às 20h, o espetáculo “Argumento Contra a Existência de Vida Inteligente no Cone Sul”, de Coletivo Labirinto, São Paulo (SP), com classificação de 14 anos. Na sexta-feira (16), às 14h, no Teatro Vitória, a Cia do Solo, do Rio de Janeiro (RJ), apresenta o espetáculo “Universo Redondo – Os Circos de Benjamim”, com classificação livre. Já no sábado(17), é vez da Cia do Voo de Teatro, de São Paulo (SP), apresentar “Kaputt”, às 20h, no Teatro Vitória. A classificação é de 16 anos.No domingo (18), às 15h, a Praça Toledo Barros recebe o espetáculo “Fuzurufafa Bafafazuru”, da Rosa dos Ventos, de Presidente Prudente (SP). E o Teatro Vitória recebe, às 19h, “Pé na Curva” da Cia de 2, de São José dos Campos (SP). A classificação é 18 anos.


Na segunda-feira (19), às 20h, Teatro do Kaos, de Cubatão (SP), apresenta o espetáculo “Vocifera”, para o público a partir de 16 anos, no Teatro Vitória. Na terça-feira (20), às 14h, acontece o espetáculo “Era uma vez um tirano”, da Cia Cerne, de São João de Meriti (RJ). Na quarta-feira (21), a E.E Gabriel Pozzi, na Vila Piza, recebe, às 14h30, o espetáculo “Romeu e Julieta”, da Cia Talagadá, de Itapira (SP). A classificação é 10 anos. Ainda na quarta-feira, às 20h, é realizado, no Teatro Vitória, o espetáculo “O Grande Duelo”, do grupo Criados Mudos, de Campinas (SP). Na quinta-feira (22), o festival vai até a E. E. Professor José Ferraz Sampaio, no bairro Novo Horizonte, às 14h, com “Sob o mesmo teto”, de Trupe Tenta Tudo, de São Paulo (SP). Já às 20h, o Teatro Vitória, recebe “Monumento ao prisioneiro político desconhecido (escritura do encontro em três tentativas)”, da limeirense Sarcástica Cia de Teatro. O espetáculo é voltado ao público a partir de 16 anos e oferece 80 lugares, por ser intimista.


O Teatro Vitória recebe “Casulo”, da Cia Arte – Móvel, de Santa Barbara D´Oeste (SP), na sexta-feira (23), às 14h, com classificação livre. Já no sábado (24),às 10h, o festival vai à Praça Toledo Barros com “A Feira de Chico, Gonzaga e Jackson”, do grupo CTI – Teatro da Investigação, de São Paulo (SP), com classificação livre.O penúltimo espetáculo, “Avesso”, da CTI – Comunidade Teatral Independente, do Rio de Janeiro (RJ), acontece no sábado(24), às 20h, no Teatro Vitória e é voltado para a população a partir dos 14 anos. A última apresentação do festival acontece no domingo(25), às 10h, no Teatro Vitória. “The Bichos” é do grupo Teatro D´Aldeia, de São José dos Campos (SP), e tem classificação livre. O encerramento do festival e premiação dos vencedores acontece no domingo (25), às 19h, no Palacete Levy.


Conheça um pouco mais sobre os orientadores artísticos:

LUIZ CARLOS LARANJEIRAS
Ator, dramaturgo, diretor teatral, cenógrafo, diretor musical, compositor, arte-educador, doutor em Artes Cênicas pela USP, mestre em Filosofia e pesquisador do Grupo Multidisciplinar de Pesquisa e Estudo em Arte e Educação da ECA USP. Publicou livros e é Integrante Fundador do Teatro Ventoforte/SP, em que trabalhou como ator, arte-educador, cenógrafo, na criação de bonecos, objetos e formas animadas de vários espetáculos do grupo dirigido por Ilo Krugli.

KAREN MENATTI
Atriz, cantora e poeta. Integrou o Grupo Ventoforte, de 2004 a 2015. É artista-criadora da Cia do Tijolo desde sua fundação em 2008. Em 2017, lançou o livro “Quintal de Miudezas” e dirigiu a peça “Sobre Meninos e Pipas”, da Cia dos Anjos.

ANTONIO DO VALLE
Formado em direção teatral pela ECA USP, onde lecionou como professor convidado. Participou de diversos cursos realizados no Brasil e exterior. Desde 1980 participa de diversos festivais nacionais, internacionais, estaduais e regionais como jurado, avaliador, curador, coordenador de debates, oficineiro e palestrante. Dirigiu mais de 50 espetáculos no Brasil e exterior. É detentor de grandes prêmios do teatro brasileiro e coordenou a escola de ator da Cia Seiva Trupe, em Porto, Portugal.

Confira a programação completa:

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Argumento Contra a Existência de Vida Inteligente no Cone Sul
Quinta-feira,15, às 20h – Teatro Vitória.
Quatro amigos tentam elaborar um atentado contra a emblemática Faculdade de Ciências Humanas. Os desencontros e a falta de sentindo dessa e de tantas outras ações que daí decorrem deflagram a ‘idiotização’ de nossos tempos e a necessidade de buscarmos e discutirmos o imaginário possível sobre os ideais de revolução que permearam a América Latina nos anos 60 e 70.
Grupo: Coletivo Labirinto.
Cidade: São Paulo – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 14 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Universo Redondo – Os Circos de Benjamim
Sexta-feira, 16 , às 14h – Teatro Vitória.
Benjamim era um menino negro, filho de escravos, que um dia entrou em um circo e nunca mais saiu. Quando baixou o mastro, dobrou a lona e partiu da pequena cidade onde estava armado o circo, levou consigo um novo integrante e os seus sonhos. “Universo Redondo – os circos de Benjamim” mostra como o circo começou, sua chegada ao país e a história de Benjamim de Oliveira, o criador do circo-teatro e o primeiro palhaço negro do Brasil.
Grupo: Cia do Solo.
Cidade: Rio de Janeiro – RJ.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Kaputt
Sábado, 17, às 20h – Teatro Vitória
Kaputt é uma palavra alemã que significa “fragmentado”, “destruído” e pode significar “cabeça” também. Na guerra, por exemplo, os mortos eram contados por cabeça. Também é um poema performático feito por e para quatro atrizes jogadoras que, por meio de uma estrutura fragmentária, destroem e reconstroem tempos e espaços que se (re)configuram por meio de personagens que se desdobram em outras para compor um retrato/mosaico de situações enfrentadas pelas mulheres em ambientes de guerra.
Grupo: Cia do Voo de Teatro.
Cidade: São Paulo – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 16 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Fuzurufafa Bafafazuru
Domingo, 18, às 15h – Praça Toledo de Barros.
Uma trupe de palhaços utiliza a mais alta tecnologia e projeta hologramas de artistas famosos evocados pelo público. Nada pode dar errado. Ou pode? Fuzurufafa Bafafazuru é uma trama cheia de surpresas que são a marca do Rosa dos Ventos. A trama é uma brincadeira cheia de confusão de palhaço – que resgata as matrizes da linguagem cômica e cênica do grupo. Apresentado no mais alto astral e estilo rueiro, com músicas e muito improviso, Fuzurufafa Bafafazuru exibe a identidade cômica dos palhaços do Rosa dos Ventos em cenas e números do circo popular brasileiro.
Grupo: Rosa dos Ventos.
Cidade: Presidente Prudente – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre. 
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Pé na Curva
Domingo, 18, às 19h – Teatro Vitória.
Pé na curva conta a história de Tolo e Infeliz, dois andarilhos que vagam em algum lugar, em algum tempo. Os únicos sobreviventes de um mundo pós-apocalíptico, que através de um sonho foram designados a uma missão, mas por um erro acabaram se perdendo. Agora os dois tentam de todas as formas retornarem ao caminho que os levará a um único destino.
Grupo: Cia de 2.
Cidade: São José dos Campos – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 18 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Vocifera
Segunda-feira, 19, às 20h -Teatro Vitória.
“Este teatro não existirá mais, e os outros, o que faremos pelos outros?”. Após 30 anos de construção não concluída do teatro municipal da cidade, um hospital tomará seu lugar. Por que devemos decidir entre dois direitos básicos, cultura e saúde? Por que não exigimos o cumprimento de ambos? O espetáculo traz à tona os (des)caminhos da conjuntura política atual. Lança mão de questões aparentemente locais e corriqueiras para fazer uma análise crítica sobre o pensamento conservador pautado no discurso do medo e na violência sistêmica.
Grupo: Teatro do Kaos.
Cidade: Cubatão – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 16 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Era uma vez um tirano
Terça-feira, 20, às 14h – Teatro Vitória.
Em 2017, “Era uma vez um Tirano”, de Ana Maria Machado, completou 35 anos de publicação sem nunca ter sido adaptado para teatro no Brasil. O clássico da literatura infantojuvenil brasileira narra a história de um lugar feliz e colorido, cujo povo perde sua liberdade a partir do momento em que um ditador toma o poder. Após um longo tempo cinzento, caracterizado por mandos e desmandos por parte do tirano, três crianças se conhecem e, com um arco-íris no bolso, uma canção no corpo e uma chuvarada de estrelas, resolvem contagiar a população na tentativa de pôr fim àquele tempo de tristeza.


Com adaptação de Vinicius Baião, a Cia. Cerne apresenta a primeira montagem de “Era Uma Vez um Tirano” no Brasil e pretende, além de homenagear sua autora, fomentar a discussão sobre as possibilidades de um fazer teatral direcionado a crianças e adolescentes que toque, de maneira lúdica, em questões sócio-políticas.
Grupo: Cia. Cerne.
Cidade: São João de Meriti – RJ.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Romeu e Julieta
Quarta-feira, 21, às 14h30 – E.E Gabriel Pozzi, na Vila Piza.
Em meio ao lixo, tralhas e tudo o mais descartado pela sociedade, cinco moradores de rua tentam subverter essa situação por meio do universo lúdico, no qual, suas figuras grotescas interpretam a si mesmas, utilizando-se de objetos, instalações, assemblages, música e performance para recontar, a seu modo, o clássico Romeu e Julieta de William Shakespeare, cujo fim trágico é de conhecimento de todos. Porém, as metáforas dos fatos que antecedem seu desfecho podem ser uma grande surpresa.
Grupo: Cia. Talagadá.
Cidade: Itapira – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 10 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: O Grande Duelo
Quarta-feira, 21, 20h – Teatro Vitória.
Em um pacato vilarejo, onde os dias seguem sem cor e som, o silêncio é ameaçado pela chegada de um bandido procurado. O medo se instaura e o tilintar da recompensa faz com que nasça um herói – ou será uma heroína? Ou então heróis? Trazendo o cinema mudo para o teatro, “O Grande Duelo” acontece.
Grupo: Criados Mudos.
Cidade: Campinas – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 10 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Sob o mesmo teto
Quinta-feira, 22, às 14h – E. E. Professor José Ferraz Sampaio, Novo Horizonte.
Três palhaços, Patife, Purga e Pimbim, se encontram no meio da rua, o seu lugar de trabalho. Através de acrobacias, malabares e música ao vivo e autoral, eles atravessam juntos diversas situações, que vão desde a relação de convivência entre os três, até desafios cotidianos que surgem a partir do seu (des)encontro com o espaço público. Um espetáculo que mostra de forma cômica e poética o dia-a-dia desses artistas de rua e o desafio de resolverem juntos os problemas que aparecem.
Grupo: Trupe Tenta Tudo.
Cidade: São Paulo – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Monumento ao prisioneiro político desconhecido (escritura do encontro em três tentativas)
Quinta-feira, 22, às 20h -Teatro Vitória.
Um homem miserável escreve obstinadamente em um local subterrâneo, recorda o seu desprezo pela sociedade e um embate com um antigo oficial militar. Um homem, numa tarde de Corpus Christi, em plena década de 1930, decide infiltrar-se em uma procissão e provocá-la a fim de testar a reação da massa. Um prisioneiro político lamenta não ter concluído seu último livro enquanto aguarda o momento da sua execução. Monumento ao Prisioneiro Político Desconhecido é a história de três encontros com o opressor. O primeiro inspirado no indivíduo recluso e solipsista de Fiódor Dostoiévski em Notas do Subterrâneo. O segundo motivado pelo relato de Flavio de Carvalho intitulado Experiência nº 2, que narra o caso real de seu enfrentamento diante de uma procissão. O terceiro, por fim, tem base em “O milagre secreto”, conto de Jorge Luis Borges presente em Ficções. Com excertos de Paulo Freire, o espetáculo é um convite para este embate e a sua superação em diferentes versões. Diferentes manifestações de um encontro que, inevitável, não poderá deixar o homem ileso.
Grupo: Sarcástica Cia de Teatro.
Cidade: Limeira – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: 16 anos (80 lugares/teatro intimista).
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Casulo
Sexta-feira, 23, às 14h – Teatro Vitória.
O espetáculo conta a história de Gabriel e sua avó que são felizes no campo de girassóis. Mas um vento forte leva tudo para longe. No mesmo instante, a avó segue para uma travessia sem volta. Gabriel não entende. No entanto uma fabulosa borboleta, sua fiel amiga desde os tempos de lagarta, o guiará numa inacreditável jornada. Talvez o garoto não encontre a avó, mas a borboleta garante que esta viagem será uma grande aventura dentro de si.
Grupo: Cia Arte – Móvel.
Cidade: Santa Barbara D´Oeste -SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: A Feira de Chico, Gonzaga e Jackson
Sábado, 24, 10h – Praça Toledo Barros.
É na feira que tudo e todos se encontram. Atores/feirantes e público/donas e donos de casa são aturadores de suas próprias histórias, compartilhando seu espaço de trabalho, de consumo e de encontro. Na Feira de Chico, Gonzaga e Jackson tem de tudo: de comer, de beber, de ver, de ouvir, de dançar e de cantar. É Interativo, como só poderia ser, o teatro-baile que se faz com a matéria humana. Propomos a criação de um espaço poético que possibilite e potencialize a presença das personagens das obras de Chico de Assis, Luiz Gonzaga e Jackson do Pandeiro, onde o público e a instalação cênica possam conviver como um organismo.
Grupo: CTI – Teatro da Investigação.
Cidade: São Paulo – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: Avesso
Sábado, 24, às 20h – Teatro Vitória.
Três textos de William Shakespeare, Romeu e Julieta, Macbeth e Hamlet. Três releituras, sem ordem cronológica e sem linearidade, o avesso de Shakespeare, a partir de diversas obras que já mostraram outras visões do original, incluindo o Hamlet Machine de Heiner Muller.
Grupo: CTI – Comunidade Teatral Independente.
Cidade: Rio de Janeiro – RJ.
Entrada: Gratuita. 
Classificação: 14 anos.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Espetáculo: The Bichos
Domingo, 25, às 10h – Teatro Vitória.
Em tempos difíceis, o único caminho para quatro animais abandonados foi pegar a estrada rumo ao desconhecido. Mas, o que eles não imaginavam era que, juntos, iriam mudar a história de suas vidas para sempre e criar a lendária banda The Bichos. Livremente inspirado no conto “Os músicos de Bremen”, dos Irmãos Grimm, The Bichos é um espetáculo infantojuvenil que fala da alegria dos recomeços embalado por clássicas melodias dos Beatles.
Grupo: Teatro D´Aldeia.
Cidade: São José dos Campos – SP.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

XV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO DE LIMEIRA
Evento: Encerramento e premiação
Domingo, 25, às 19h – Palacete Levy.
Acompanhe o encerramento do festival e conheça os vencedores desta edição.
Entrada: Gratuita.
Classificação: Livre.
Realização: Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.


ENDEREÇOS LOCAIS DAS APRESENTAÇÕES:
Teatro Vitória/Praça Toledo de Barros : Praça Toledo Barros, s/nº – Centro; 
E. E. Professor José Ferraz Sampaio Penteado: R. Nelson Ferraz da Silva, 181 – Jardim Novo Horizonte;
E. E. Profº Gabriel Pozzi – R. Melvin Jones, 330 – Vila Piza;
Palacety Levy: Largo da Boa Morte 11 – Centro.

SEM COMENTÁRIOS