Campanha do Agasalho arrecada mais de 140 mil peças

Campanha do Agasalho arrecada mais de 140 mil peças

135
0
COMPARTILHAR

A Campanha do Agasalho 2019 arrecadou 140.018 peças neste inverno. O número é maior que o ano passado e o índice de descarte também se destacou: foram 1.623 peças que não estavam em condições de uso, ou seja, 1,15%.

A ação é realizada todos os anos pela Prefeitura de Limeira, por meio do Fundo Social de Solidariedade de Limeira, com a colaboração de empresas, associações, escolas, igrejas e a comunidade em geral. No total, acampanha deste ano teve 265 pontos de coleta espalhados pela cidade.

“A população nos ajudou muito nessa campanha doando peças em bom estado de uso e peças infantis, de bebê e cobertores que temos bastante procura durante todo o ano. Com a parceria de toda a cidade, conseguimos arrecadar mais que nos anos anteriores e com o índice de descarte ainda menor”, afirmou a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Roberta Botion.

Além das empresas parceiras, a campanha teve apoio do Tiro de Guerra, dos grupos de escoteiros Limeira e Tatuibi, e dos agentes de controle de zoonoses da Secretaria de Saúde, que distribuíram panfletos informativos durantes dois dias D e durante as visitas casa a casa no combate à dengue.“Estou muito feliz com o resultado dessa campanha porque mostra que as mudanças que fizemos nestes últimos três anos estão dando resultados: mais doações e menos descarte. Só tenho a agradecer a todos que contribuíram com esse resultado, doando as peças que não usam mais para aquelas que mais precisam”, completou a presidente. No ano passado, foram recolhidas 113.881 peças, com índice de descarte de 1,29%.

O prefeito Mario Botion destacou a importância desse trabalho desenvolvido pelo Fundo Social de Solidariedade reunindo as entidades, profissionais e voluntários. “Esses resultados refletem o espírito de solidariedade de nossa população e também fortalece e estimula a participação voluntária em nossa cidade”, citou o chefe do Executivo.

A campanha de 2019 teve início em abril e teve como objetivo arrecadar roupas, cobertores, sapatos e outras peças para população em situação de vulnerabilidade social. As peças doadas foram encaminhadas para uma central de triagem, onde voluntários as separaram em roupas masculinas, femininas, infantis e de bebê. Depois, as doações foram levadas aos centros comunitários para as pessoas retirarem o que precisam.

Quem necessitar de roupas de frio ou cobertores pode procurar o centro comunitário mais próximo. Mais informações pelo telefone 3404-6268.

SEM COMENTÁRIOS