Juiz suspende remoção de casinhas de cães em Porto Alegre

Juiz suspende remoção de casinhas de cães em Porto Alegre

85
0
COMPARTILHAR

O juiz Eugênio Couto Terra suspendeu a remoção ou transferência das casinhas de cães localizadas no bairro Jardim do Salso, em Porto Alegre (RS). Segundo o magistrado da 10ª Vara da Fazenda Pública da Capital, foi agendada uma audiência para o dia 23 de julho.

As casinhas foram instaladas na calçada na rua Ângelo Crivellaro em 2016 pela síndica do condomínio Tulipa, Ana Beatriz Lemos Marques. Sob a justificativa de que os cães poderiam “causar problemas e prejudicar a saúde da população”, a prefeitura decidiu remover as casinhas do lugar.

A ação civil pública foi movida pelo Movimento Gaúcho de Defesa Animal (MGDA), que divulgou nota dizendo:

“Assim, qualquer ato que influencie na atual condição dos cães comunitários, como exemplo a pretensão de adoção, ou tentativa de remoção de suas casinhas em Porto Alegre, deverá ser informada previamente à Justiça, sob pena de responsabilidade por descumprimento de medida judicial e alteração dos fatos da causa.”

A secretária estadual de Trabalho e Assistência Social, Regina Becker Fortunati, gravou um depoimento comemorando a decisão: “Vitória. Mas a mobilização continua”. E completou com um chamado para um encontro no próximo domingo (14), às 11h, no Parque da Redenção.

“Me Adota?”

O programa da prefeitura “Me Adota?”, destinado a cães e gatos em situação de abandono, oferece castração, desvermifugação, vacinas, microchipagem e atendimento clínico veterinário na Unidade de Saúde Animal Victória (Usav). Telefone para contato: (51) 3289-8920.

O jovem protetor Esdras Andrade realiza esse mesmo trabalho e agora está com uma vaquinha online para construir um abrigo próprio, onde os animais permanecerão até serem adotados, clique aqui e apoie.

Fonte: Correio do Povo/Foto destacada: Mauro Schaefer / CP Memória

SEM COMENTÁRIOS